2003-10-04 09:51:08 Paulo Transformar o cotidiano em poesia é coisa de Poeta mesmo !! Parabéns